Pertencendo ao Universo – Download – Fritjof Capra

Desde 1975, quando Fritjof Capra escreveu O Tao da Física, best-seller internacional sobre a ciência e a religião oriental, os leitores descobriram, ou redescobriram, um a tradição notavelmente rica de espiritualidade cristã bem mais compatível com o seu modo de pensar. Pertencendo ao Universo estabelece um vínculo entre a ciência e a espiritualidade ocidental de maneira tão surpreendente quanto O Tao da Física vinculava a ciência com a religião oriental.
Nesta obra, Capra e David SteindlRast, monge beneditino comparado por muitos a Thomas Merton, investigam os paralelismos entre o pensamento do 'novo paradigma' na ciência e na religião, que, juntas, oferecem uma visão notavelmente compatível do universo - um modelo holístico e profundo baseado numa percepção da complexa natureza da verdade e do mito da objetividade.
Estes diálogos cheios de vigor e de vida projetam novas luzes sobre as surpreendentes e inéditas conexões entre a ciência e a experiência de Deus. Como peritos reconhecidos em seus campos - Capra em física teórica e em teoria sistêmica, e Steindl-Rast em espiritualidade contemporânea e em ecumenismo ambos se deslocaram para alem de suas especializações, em direção a uma criativa busca de significados, num nível ao mesmo tempo interdisciplinar e de cruzamento cultural. O resultado é este livro admirável no qual eles descobrem uma compatibilidade profunda nas fronteiras do pensamento científico e da experiência religiosa, onde as descobertas da ciência e a sabedoria da espiritualidade produzem introvisões paralelas a respeito da natureza ultima da realidade.

Para ter acesso ao arquivo, digite seu email na caixa ao lado! O download iniciará automaticamente.

pertencendo_universo_capa


File
Pertencendo ao Universo - Fritjof Capra

VersionLivro completo em .PDF
Download227
StockIlimitado
Total Files1
Create Date15 de fevereiro de 2016
Last Updated15 de fevereiro de 2016
Subscribe to download

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *