Cogumelos Mágicos ajudam fumantes a largar o hábito

Magic Mushroom

Os resultados mostram uma pesrpectiva rara neste primeiro estudo de psilocibina para o vício de cigarro, que pode levar a novas abordagens para tratar outros tipos de vício

Apenas duas ou três experiências com a psilocibina, presente nos cogumelos mágicos, ajudaram uma dúzia de fumantes de longo prazo a parar com o hábito, obtendo sucesso em um estudo onde inúmeras outras abordagens falharam.

Os voluntários tomaram uma pílula que contém psilocibina, o ingrediente ativo dos cogumelos alucinógenos de gênero psilocybe, como parte de um programa de terapia de comportamental cognitiva na Universidade Johns Hopkins em Baltimore. Seis meses depois, 12 dos 15 participantes permaneceram livres do cigarro, de acordo com os resultados do estudo publicado esta semana (11/09) no Journal of Psychopharmacology.

Medicamentos já existentes, como Champix da Pfizer Inc. (PFE), a mais poderosa ajuda para o abandonodo tabagismo, tem uma taxa de sucesso de cerca de 35 por cento ao sexto mês. Adesivos e chicletes de nicotina obtém bem menos sucesso, disse Matthew Johnson, uma pesquisador do estudo e professor associado de psiquiatria e ciências comportamentais na Universidade Johns Hopkins. Os resultadosmostram uma pesrpectiva rara neste primeiro estudo de psilocibina para o vício de cigarro, que pode levar a novas abordagens para tratar outros tipos de vício, disse Johnson.

“As taxas de abandono do cigarro foram tão altas, duas vezes maior que o que você costuma ver com a medicação padrão ouro“, disse ele em uma entrevista por telefone. “É um estudo muito pequeno, mas éuma indicação de que algo muito forte está acontecendo aqui. Ele responde à questão de saber seestamos em um caminho que vale a pena perseguir .

O estudo com fumantes está entre uma variedade de projectos iniciados nos últimos anos para pesquisaro potencial uso terapêutico de alucinógenos para condições como dores de cabeça crônicas, câncer edepressão.

 

Terapia Comportamental

Em consequência da pílula de psilocibina ter sido administrada em combinação com a terapia demodificação comportamental, incluindo aconselhamentos e relatórios diários, não está claro quanto dobenefício para os fumantes veio do alucinógeno. Estudos futuros estão sendo planejados para incluir um grupo de comparação que não receberá o composto alterador de consciência, e todos os participantes irãotirar imagens do cérebro para ajudar os pesquisadores a identificar e estudar onde ocorre o efeito.

cigarUma vasta gama de voluntários participaram do estudo, incluindo um professor, um advogado e um funcionário do museu. Todos estavammais interessados ​​em parar de fumar do que em tomar uma drogapsicodélica, disse Johnson. Realização da pesquisa em um ambientecuidadosamente controlado permitiu aos investigadores para protegeros voluntários e evitar a ansiedade aguda que pode ocorrer, a experiência que é geralmente conhecida como “bad trip”, disse ele.

A terapia ocorreu ao longo de duas ou três sessões. Os voluntárioschegaram a um laboratório montado como se fosse uma sala de estar, cada um tomou um comprimido de 20 mg de psilocibina, tiveram seus olhos cobertos e relaxaram com música durante várias horas enquanto o efeito psicodélico se manifestava. Aqueles que tiveram uma experiência transcendental, onde as pessoas dizem que entram em um estado místico que os ajuda a sentir a unidade com eles mesmos e do universo, tiveram maior tendência de sucesso, disseram os pesquisadores.

 

Segunda Dose

Psilocybin_chemical_structureTodos os voluntários retornaram duas semanas mais tarde para mais uma rodada com uma dose mais elevada da substância. À todos foi oferecido uma terceira experiência, embora vários tenham recusado, como disse o pesquisador. O tratamento não envolve troca de uma droga por outra, disseJohnson, que apontou que os alucinógenos não são viciantes.

A última coisa que as pessoas querem fazer é usar isso de novo no dia seguinte“, disse ele. “É uma experiência de sair da caixa. Quando uma droga desse tipo entra no corpocorpo, ela tem um efeito, e quando ele deixa o corpo o efeito desaparece. O que é fascinante é que asexperiências com estes compostos alucinógenos podem realmente mudar as pessoas.

 

images

Aqueles que tiveram uma experiência transcendental, onde as pessoasdizem que entram em um estado místico que os ajuda a sentir a unidade deles mesmos e do universo, tiveram maior tendência de sucesso, disseram os pesquisadores.

 

 

Fonte:
Bloomberg.com
Hopkinsmedicine.org

Obtenha mais conteúdo como esse

Inscreva-se em nossa newsteller e receba os novos posts em seu email!

1 responder

Trackbacks & Pingbacks

  1. […] que os dos anos 50 e 60 já haviam feito. Eles estão estudando o potencial dos alucinógenos para auxiliar os fumantes a largarem o vício, a se livrarem de problemas com álcool e outras drogas, na diminuição de cefaléias em salva e […]

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *